segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Quando é Natal?


Todo dia é natal
Quando penso em Natal,penso na alegria
na empolgação que move as pessoas
Lembram de pessoas que não estão mais em seu convívio,
de gente que brigou, que não gosta... de quem precisa de perdão
As crianças ficam empolgadas
com o Papai Noel,ah! a possibilidade de ganhar presente.
Talvez por isso eu nem precise de Natal
Penso que todo dia devia ser assim,
dia de ser feliz, de se doar, perdoar...
lembrar do menos favorecido
e mais importante:
TODO DIA TEMOS QUE LEMBRAR O NASCIMENTO
DE JESUS, POIS FOI SEU NASCIMENTO QUE NOS DEU
A OPORTUNIDADE DE CHEGAR A DEUS E OBTER PERDÃO DE NOSSOS PECADOS.
Se é somente em datas supostamente especiais que
as pessoas lembram dos melhores valores
Então que todo dia seja uma data especial,
Celebre a vida!

Lembre-se que Deus nos dá vida todos os dias,então
vamos agradecer-lhe cada segundo de vida,sendo Natal ou não! (Lady Val)

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

AMAR SE APRENDE


AMAR SE APRENDE

Nem todos nasceram com a capacidade de compartilhar a alegria, porque simplesmente fecham o coração, abrem o egoísmo e querem ser o centro das atenções.

Alguns não conseguem conviver com o sucesso dos outros, por isso tentam denegrir a imagem do suposto oponente.

Alguns não conseguem enxergar além da imagem, do brilho no olhar, do sorriso no rosto, da felicidade transparecente... Criam mágoas, atritos, confusões, picuinhas...

Amar se aprende! Aliás, qualquer coisa só se aprende quando se permite aprender, quando se abre a mente e o coração! Quando se despede da pretensão, da inveja, do interesse e segue a vida compromissado com a verdade, a felicidade, quando se olha além do óbvio, quando se aprende a dividir o que se tem,seja amizade, alegria, felicidade, até mesmo tristeza, dor, angústia...

Quando conseguimos dividir as coisas aparentemente ruins, aprendemos quem são nossos amigos, POIS QUEM NÃO É CAPAZ DE SUPORTAR A DOR CONTIGO, JAMAIS SERÁ CAPAZ DE SUPORTAR SUA FELICIDADE!!! Lady Val

sábado, 24 de novembro de 2012

PALAVRAS BEIJADAS


Palavras beijadas

Ao receber suas cartas minha primeira ação
Era cheirá-las, quem sabe seu perfume
Ainda estivesse preso no papel
Minha reação ao abrir o envelope
Era beijar suas palavras
Quem sabe beijando sua carta
Meus lábios sentissem os seus
Apertava contra o peito sua carta
Quem sabe sentisse as batidas do seu coração
Beijava ternamente suas palavras
E pensava em você
O amor era tão intenso
Que eu era capaz de tirá-lo
De dentro do envelope
as palavras beijadas eram guardadas
Quem sabe telepaticamente
Você recebesse meus beijos, meus abraços...
Quem sabe você viesse matar meus desejos!

Lady Val

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Trilha sonora da vida


TRILHA SONORA DA VIDA
A TRILHA SONORA DA MINHA VIDA
ANDA MEIO FORA DE ROTAÇÃO
HORA É ORQUESTRA BEM REGIDA
HORA SAMBA DE UMA NOTA SÓ
ÀS VEZES UMA MODA DE VIOLA
COM MELODIA E LINDA HISTÓRIA
EM ALGUNS MOMENTOS
VERDADEIRO HEAVY METAL... ROCK PAULEIRA...
ÀS VEZES ME PERCO NO BATIDÃO
CERTOS MOMENTOS SOU MOZART... CALMARIA CLÁSSICA
NESSA DISCOTECA SEM UM INDICE
SEM CLASSIFICAÇÃO MUSICAL
MINHA VIDA SEGUE ASSIM, ECLÉTICA
NÃO POR NÃO TER OPINIÃO PRÓPRIA
SOU ECLÉTICA POR VIVER INTENSAMENTE
SOU MUSICA TRISTE
OU MUSICA QUE ALEGRA O CORAÇÃO
A TRILHA SONORA QUE REGE MINHA VIDA
É AQUELA QUE NO MOMENTO EXATO
CONSEGUE ELEVAR MEU SONHO
O ÚNICO RITMO CERTO
É AQUELE REGIDO PELO AMOR
AS BATUTAS DO MEU CORAÇÃO
SINCRONIZAM COM A VIDA
E NESSE BAILE, EU ME TIRO PARA DANÇAR
SEJA NO RITMO DOS PINGOS DA CHUVA
OU NO CALOR DO SOL
SIMPLESMENTE ALEGRIA DE VIVER!
LADY VAL

terça-feira, 18 de setembro de 2012

ESPERANÇA




Esperança

Por que vejo o teu nome em todo lugar?

Deve ser para me atormentar!

Por que sinto teu perfume

Deve ser para sentir ciúme

Dispara meu coração

Sinto o aperto da sua mão

Que passeia pelo meu corpo

Volto ao mesmo porto

Olho o horizonte

Quero beber na sua fonte

Volto para casa

Onde a solidão arrasa

Olho para o espelho

Coloco um lingerie vermelho

Quem sabe você bate a minha porta

Quem sabe a paixão não esteja morta

Você chegará com um buquê de flores

Acalmará todas as dores

Quem sabe o que há de acontecer

Quem sabe você chegará e me dirá:

Eu amo você!

Lady Val

 

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Me ame assim, que eu mais te amo!


 

Me ame assim,que eu mais te amo!

 

Quando penso que chegou ao fim

Você vem em minha direção

Estende sua mão

 

Convidando-me ao paraíso...

Bati de frente com seu coração

E de vez perdi o juízo

 

Me ame assim, em completa entrega

 

Que eu mais te amo, sem dar nenhuma trégua!

Lady Val

sábado, 18 de agosto de 2012

Opostos




Opostos

Hora sou ódio... Hora sou amor

Sou tristeza... Sou alegria... Sou escuridão... Sou luz

Hora quero guerra... Hora quero paz

Sou fogo... Sou água

Sou vazio... Sou cheio... Sou Raso... Sou profundo

Sou sujo... Sou limpo

Faço tempestade... Busco calmaria

Sou chuva... Sou sol... Sou lua... Sou estrela

Sou miséria... Sou fartura

Hora sou pobreza... Hora sou riqueza

Sou ausência... Sou presença

Sou antônimo... Sou sinônimo

Quero tudo que é feio... Quero tudo que é bonito

Sou o fim... Sou o começo

Sou inverno... Sou verão... Sou outono... Sou primavera

Sou absolvição... Sou julgamento... Sou sua culpa... Sou seu perdão

Hora sou chegada... Hora sou partida

Um olá... Um adeus

Vou até o inferno... Vou até o céu

Vejo demônios... Vejo anjos

O Diabo existe... Meu Deus é mais forte

Sou nada... Sou tudo

Digo não... Digo sim

Aos meus pés... Em minhas mãos

Tenho a morte... Tenho a vida

Sou todos os opostos que estão sempre a postos!

Lady Val


quinta-feira, 5 de julho de 2012

O QUE NOS ESPERA




O que nos espera?



O coração projeta o amor

Ilude... Confunde...

O raciocínio deixa de ser lógico

Planejo, desisto, insisto!

Relembro você

Relembro o amor recebido

Ainda lhe vejo... Sentado a minha espera

Guardo seu cheiro

A espera da próxima vez

Fitar seus olhos

Sentir seus beijos... Seu corpo

Imagino mil coisas... Anulo cada uma

Sensatez eu já perdi...

Sanidade, eu já não tenho

Espero cada segundo

Transformo cada minuto

Num momento eterno

Queria parar o mundo

E contigo descer...

Numa estação chamada infinito

Sem malas, sem bagagem alguma

Apenas o amor... Apenas o desejo

A nossa espera recompensada

O que nos espera?

Apenas a espera nos espera!

Lady Val


quarta-feira, 27 de junho de 2012

Mente...


Mente...



Estonteantemente feliz

Felizmente realizada

Realizadamente bem!

Sonhadoramente acordada

Acordadamente boba!

Bobamente apaixonada

Apaixonadamente surpresa

Surpresamente satisfeita

Satisfeitamente perdida

Perdidamente louca

Loucamente intensa

Intensamente insana

Insanamente romântica

Romanticamente envolvida

Envolvidamente poética

Poeticamente política

Politicamente incorreta

Incorretamente certa

Certamente incerto

Incertamente futuro

Futuramente não sei

Fica em minha mente

Não me importa se mente

Minha alma sente

Meu coração descompassadamente

                                            Lhe quer eternamente!



                                                              Lady Val


sábado, 23 de junho de 2012

Em você sonhei




Em você sonhei



Abriu meus olhos para a fantasia

Estava enclausurada na desilusão

Jogada ao chão

Encontrei meu sorriso em você

Fechei meus olhos

Vi tantas belezas escondidas

Senti o perfume da luz

Senti o vento norte

Senti que encontrei a minha direção

Encontrei você esperando-me

Montado em seu cavalo alado

Pronto para mostrar-me o céu

Eu quis abrir meus olhos

Quis fugir para longe

Abrir meus braços e voar

Quando abri meus braços não voei

Enrosquei-me nos seus encantos

Ouvi sua voz sussurrando

Dizendo que me quer

Que me deseja

Eu quis fugir do sentimento

Não pude

Meu coração se atrelou ao seu

Cedi ao prazer, me permiti ser feliz

Viajei ao infinito

Sem destino certo... Sem pressa

Com a certeza da felicidade!

Lady Val


segunda-feira, 11 de junho de 2012

CERTAS COISAS




Certas coisas



Certas coisas acontecem em nossa vida

Muitas vezes não é aquilo que planejamos

Mas deixa uma sensação boa

Ainda que eu tivesse planejado

Mil coisas para te dizer, para te surpreender

Nada eu fiz

Mas meus olhos sorriram

E meu corpo todo estremeceu

Sentir teu olhar... Teu sorriso...

Seus braços abertos ao meu encontro

Ah! Ainda suspiro só em lembrar...



Lady Val


segunda-feira, 4 de junho de 2012

Aventura de menina




Aventuras de menina



Minha infância é sinônimo de felicidade

Não tinha medo de brincar na rua ou conversar com a lua

Brincava de pular corda bambolê e amava pular amarelinha!

Passar fins de semana no sitio da tia

Disputando o pé de goiaba com as galinhas

Ali era o poleiro... Para nós crianças era o quartel

Elas que encontrassem lugar para dormir

Nosso castelo ficava ali, os primos eram a companhia ideal

Pulamos muitas cercas, bebemos muito leite no curral

Pé de mangas tinha aos montes... Espada, rosa, coquinho, coração de boi...

Eram nomes comuns... O tempo bom se foi

Voltando a goiabeira, nossa predileta

Era ali que começava sempre a festa

Piolho de galinha era comum os chamávamos de micuins

Nem nos importávamos com a coceira ou cheiro ruim

Não posso esquecer-me das lagartas de fogo

Eram as taturanas... Enormes... Perigosas

Nem dávamos importância até um belo dia

Que ao expulsar a galinhas do poleiro

Subimos felizes ao nosso quartel secreto

Meu irmão sempre o general acabou ferido  em um hospital

As taturanas defendendo seu espaço

Atacaram seu pescoço, pernas e braços

Quanto mais ele se debatia mais queimadura sentia

Os soldados companheiros gritavam no “terreiro”

Tentavam acudir... Sem saber o que fazer

O tio veio socorrer,  o pé de goiaba foi interditado

Ficamos sem quartel temporariamente

Quando o general se recuperou toda aventura voltou

Embora eu fosse a única menina não perdia para ninguém

Brincava de pião, jogava bola, quase nunca de boneca

A vó brigava dizia que eu faltava usar cueca

São tantas lembranças que me faltaria espaço para descrever

Ah! Como foi bom tudo aquilo viver

Embora convivesse com moleques não deixei de ser feminina

Tenho as melhores lembranças dos meus tempos de menina!

Lady Val












sexta-feira, 25 de maio de 2012

ATITUDE DE AMIGO



Atitude de amigo



Sempre me pergunto sobre a atitude

Por que as pessoas têm certas atitudes?

Por que as pessoas tomam certas atitudes?

Por que pregam, mas não vivem a amizade?

Basta qualquer cisquinho

Para surgir um tremendo desconforto

Criam-se lacunas

Rios outrora navegáveis

Tornam-se corredeiras torrenciais

Não mais me serve como amigo

Aquele que tanto admirava

Talvez porque não olhei além do meu umbigo

Parece-me representar perigo

Amigo meu pode ser seu?

O que fez por ele me incomoda?

Que atitude deveria ser tomada

Vou risca-lo do meu quadro

Falo sempre assim:

Amizade sincera para mim

É ter um orgulho sem fim

Do sucesso almejado, caminhar lado a lado

Com uma atitude tolerante, aplaudindo de pé

Oportunidade ofertada... De braços aberto recebida

O amor dedicado... Amizade conservada

Atitude de amigo verdadeiro

É falar para o mundo inteiro

Esse é meu amigo, colega e companheiro

Com quem dividirei

Estradas, amigos e o que mais for necessário

Atitude de amigo não está no dicionário

Está no coração que às vezes por ciúmes

Não quero vê-lo chegar ao cume

Quero que ele fique ali tolhido

Porque imaginei tê-lo perdido

Tão egoísta em meu mundo

Não pensei nem por um segundo

Que meu amigo precisava de ajuda

Eu o traí tal qual Jesus por Judas!

Lady Val


sexta-feira, 18 de maio de 2012

NÃO TENHO ASAS






Não tenho asas

Já não tenho mais asas, não sei mais voar

Nem mesmo meus pensamentos ousam

Quebrei as suas asas

Talvez assim eles não lhe alcancem

Às vezes sinto uma dor profunda

Talvez sejam minhas asas

Tentando renascer

Não posso permitir que isso aconteça

Meus sonhos aterrissaram

Eu os escondi num hangar escuro

Tenho medo de permitir

Que a luz atinja alguma fresta

Ainda que pequena e estreita

E minhas asas voltem a bater

Que elas se aqueçam e tomem forma

Tenho medo de alçar voo novamente

Mesmo com todos os cuidados tomados

Mesmo imaginando ter desinstalado

Todos os instrumentos de navegação

Se eu alçar voo

Sei exatamente onde vou pousar

Minhas asas me guiarão

A um aeroporto chamado você!

Lady Val

segunda-feira, 14 de maio de 2012

E DEUS ME RESPONDEU ASSIM!




E DEUS ME RESPONDEU ASSIM...

Ó meu Deus! Por que sou falha?

Se jovem quero ser velha, porque assim

Terei passado pelos problemas e os terei vencido

Se eu estou velha, Jovem quero tornar-me novamente

Assim terei forças para enfrentar os problemas

Quando angustiada quero ficar eufórica, porém Senhor quando estou eufórica

Procuro algo que certamente irá me angustiar

Sou incapaz não conseguirei, Pai amado dá-me teu colo!

Ó que sol escaldante, muito calor, muito quente

Ah! Como eu queria que chovesse e o Senhor permite a chuva cair!

A meu Pai amado, quero mudar minha aparência!

Não estou contente assim, queria ser mais alta, mais baixa...

Queria cabelo liso, encaracolado, crespo, preto,ruivo, loiro...

Ó meu Deus como sou falha! Sua voz me diz: FILHA NÃO SE ANGUSTIE

SEI QUE A CARGA DO SER HUMANO É EXTREMA,

MEU FILHO SOFREU ASSIM, ELE ATÉ MORREU PARA LEVAR SEUS FARDOS

ENTREGA-ME TAMBÉM OS SEUS, EU LHE DAREI AS FORÇAS NECESSÁRIAS

DAR-LHE-EI MEU SANTO ESPÍRITO PARA QUE SUPORTE TUDO

TODO SOFRIMENTO, TODO FARDO, TODA ANGUSTIA, TODA DOR...

TUAS INDECISÕES NÃO ME AFLIGEM, ENTÃO NÃO PERMITA QUE LHE AFETEM

FILHA, PEÇO-LHE APENAS QUE JAMAIS DUVIDE QUE ENTREGAR SUA VIDA

EM MINHAS MÃOS É O MELHOR A FAZER!

NÃO DUVIDE QUE EU SOU O MELHOR PARA VOCÊ,

AS DEMAIS DÚVIDAS QUANDO CHEGAR A PERFEIÇÃO SERÃO SANADAS.

SABE POR QUE FIZ TANTA VARIEDADE? EU SÓ QUERIA TE ALEGRAR

EU PODERIA TER FEITO APENAS UMA COR, UM ALIMENTO, UMA ESTAÇÃO, UM TIPO DE CABELO... E VOCÊ NEM PERCEBERIA

PORÉM MEU AMOR POR VOCÊ É TÃO IMENSO QUE PREFERI VARIAR

NÃO POUPEI NEM MESMO A VIDA DO MEU FILHO PRIMOGÊNITO, AMADO

PARA RESGATAR-LHE DO MAU CAMINHO

DESEJO APENAS QUE SEJA FELIZ E SEI QUE ASSIM SERÁ

APENAS NÃO SE ANGUSTIE!ME ENTREGUE DE VEZ SUA VIDA

EU CUIDAREI DE VOCÊ PERMITA-ME CUIDAR...

NÃO SE ABALE, NÃO SOFRA, SIMPLESMENTE NUNCA DUVIDE

CONFIE EM MIM INCONDICIONALMENTE!

LADY VAL


domingo, 29 de abril de 2012

NOBRE SEREIA




Nobre sereia



Seu corpo desenhado

Tão belo tão dourado

Meio mulher, meio sereia

Saindo da água, vindo para a areia

Trouxe-me um recado

E disse que era do meu amado

Quase não pude acreditar

Ele disse que não deixou de me amar

Oh nobre sereia, mostre-me o caminho

Ainda que seja longe ou pertinho

Mergulharei nas profundezas

Sobreviverei com toda certeza

O amor já venceu nobre sereia

O desejo corre na veia

Somos de mundos diferentes

Somos bem conscientes

Porém, o amor invadiu meu coração

Acredite sereia, eu amo esse Tritão!

Lady Val






terça-feira, 24 de abril de 2012

Tempo




Tempo...



Existem muitas formas de tempo

O tempo que passa

O tempo que eu lhe espero

O tempo que não chega

E que se foi...

O tempo frio... Quente...

Instável como seu amor

O tempo medido  em horas

E os ponteiros do relógio

Que insistem em girar sem parar

Giram tão rápido quanto o tempo

E quanto tempo precisa para você

Reconhecer que já não tem mais tempo?

Que o tempo do nosso amor

Já esgotou

O tempo não apaga dores e nem cicatrizes

Apenas ameniza

O que o tempo não pode trazer de volta

O próprio tempo se encarrega

De levar para bem distante

Tão distante que nem mesmo o tempo

Consegue encontrar

Se nosso amor se perdeu no tempo

Só o tempo há de mostrar...



Lady Val